UOL Notícias Notícias
 
26/06/2010 - 23h33 / Atualizada 26/06/2010 - 23h49

Zapatero defende reforma laboral na Cúpula do G20

Toronto (Canadá), 27 jun (EFE).- O presidente do Governo espanhol, José Luis Rodríguez Zapatero, defendeu neste sábado na Cúpula do Grupo dos 20 (G20, países industrializados e principais emergentes) as reformas empreendidas na Espanha para reestruturar as poupanças e flexibilizar o mercado de trabalho, defendendo também mudanças nas pensões para garantir sua sustentabilidade.

Segundo informaram fontes do Executivo, Zapatero, um dos oradores do jantar com o qual começou a Cúpula do G20, destacou a capacidade das principais potências na hora de adotar medidas coordenadas frente à grave crise financeira iniciada em 2008 e considerou que o atual desafio é compatibilizar os ajustes com o impulso ao crescimento.

Entre as reformas iniciadas na Espanha, expôs ao resto de líderes a reestruturação do sistema de cadernetas de poupança, que afetará finalmente 39 das 45 entidades e vai representar um corte de entre o 20% e 25% dos escritórios e de 15% do pessoal.

Neste domingo, Zapatero começará sua agenda com a sessão plenária da cúpula e deve também manter breves encontros com os líderes da Turquia, Índia, Indonésia, Japão, Arábia Saudita e Rússia.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host