UOL Notícias Notícias
 
01/07/2010 - 19h03 / Atualizada 01/07/2010 - 19h09

Corte para Serra Leoa autoriza convocação de Naomi Campbell

Haia, 30 jun (EFE).- O Tribunal Especial para Serra Leoa autorizou hoje a Promotoria a convocar a modelo Naomi Campbell como testemunha no julgamento do ex-presidente da Libéria Charles Taylor.

A top britânica teria recebido diamantes de Taylor. Em decisão divulgada hoje, os juízes da corte também liberam a convocação da atriz Mia Farrow e da ex-agente da modelo Carole White.

Com a decisão de hoje, os juízes não se opõem a que Naomi fale em Haia, mas também não a convocam oficialmente. Ainda não está claro o que pode acontecer se a Promotoria chamar, e a modelo não for à corte.

Os promotores haviam pedido em maio passado a presença da modelo por conta dos diamantes que ela teria recebido do ex-presidente, julgado por crimes de guerra nessa corte.

Para a Promotoria, o testemunho de Naomi Campbell "é necessário", já que há "evidências" de que ela recebeu diamantes brutos de Taylor em setembro de 1997.

Taylor é julgado desde janeiro de 2008 em Haia. Sobre ele pesam 11 acusações de crimes de guerra e contra a humanidade relacionados ao conflito civil que assolou Serra Leoa entre 1991 e 2002 e que deixou 50 mil mortos.

A ação dos rebeldes da Frente Revolucionária Unida (RUF), que teria Taylor à frente, nesse conflito foi financiada em parte pelos chamados 'diamantes de sangue'.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host