UOL Notícias Notícias
 
05/07/2010 - 00h47 / Atualizada 05/07/2010 - 00h57

PRI estaria em vantagem em 10 estados e cederia 2 de seus redutos

México, 4 jul (EFE).- O Partido Revolucionário Institucional (PRI), que governou o México durante 71 anos até 2000, quando foi derrubado pelo conservador Partido Ação Nacional (PAN), teria ganhado neste as eleições em dez estados, mas poderia perder dois de suas principais fortificações, segundo dados preliminares.

Em declarações à imprensa, separadamente, os líderes do PRI, PAN e do esquerdista Partido da Revolução Democrática (PRD), principais forças nesta disputa nas quais o segundo e terceiro foram em aliança, saíram para anunciar sua vitória baseados em seus resultados preliminares.

A empresa Consulta Mitofksky dá ao PRI vitórias em nove estados.

Para a aliança PAN-PRD, as pesquisas da Mitofsky dão o triunfo em Oaxaca, um dos estados mais pobres do país e com ampla população indígena que o PRI governou ao longo de oito décadas.

A Consulta Mitofsky afirma que em Puebla e Sinaloa os resultados estão fechados, por isso que a empresa não aponta tendências.

O líder do PAN, César Nava, disse em uma declaração à imprensa que a aliança que fez seu partido com o PRD está ganhando em Oaxaca e Puebla, outro estado reduto do PRI que o governou durante 80 anos.

A presidente do PRI, Beatriz Paredes, disse à imprensa que de acordo com seus dados, os candidatos de seu instituto, que em alguns estados foi em aliança com o Partido Verde Ecologista do México, tem resultados preliminares favoráveis em Aguascalientes, Durango, Quintana Roo, Sinaloa, Tamaulipas, Tlaxcala, Veracruz e Zacatecas.

Sobre Puebla, o líder do PRI disse que reúne informação para dar detalhes, mas disse que a tendência é que ganham nesse estado. Quanto a Oaxaca, disse que apresentaram uma queixa perante o órgão eleitoral.

Os institutos estatais eleitorais (cada um dá separadamente os resultados de seus pleitos) começaram a publicar a conta gotas a apuração dos votos, e na maioria dos casos às 21h (horário local, 23h de Brasília do domingo) há menos de 5% da apuração dos sufrágios.

Entre os estados onde se superou essa percentagem estão Aguascalientes, onde o PRI ganha com 46,82% quando tinham sido contados 12,24% dos votos; em Durango, o PRI triunfa com 48,03% (16,04% dos votos computados) e Tamaulipas, onde o PRI ganha com 103.000 votos contra o PAN que leva 48.500 dos sufrágios, com 17,85% da apuração.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,12
    3,283
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,05
    63.226,79
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host