UOL Notícias Notícias
 
08/07/2010 - 17h50 / Atualizada 08/07/2010 - 18h03

Reserva natural boliviana corre perigo devido a incêndio originado no Brasil

La Paz, 8 jul (EFE).- Um incêndio que começou há 15 dias no Brasil e que se estendeu até a fronteira com o Paraguai e a Bolívia coloca em risco uma reserva natural situada na parte boliviana da divisa, informou hoje uma fonte oficial.

O chefe de proteção do parque nacional Otuquis (Bolívia), Ronny Colombo, informou à Agência Efe que o fogo se propagou até a zona tripartite conhecida como Triângulo Dionisio Foianini, compartilhada pela Bolívia, Brasil e Paraguai, e já chegou ao parque.

"No dia 20 de junho o fogo começou a entrar no nosso território e até o momento 70% do triângulo Dionisio Foianini está queimado. Não temos nenhuma possibilidade de combater o fogo nesta época de seca", afirmou o funcionário.

Segundo Colombo, alguns lagartos morreram e outros animais maiores começaram a fugir do lugar. Ainda não foram reportadas vítimas humanas porque a área afetada não é habitada.

No entanto, o funcionário alertou que o fogo avança e poderia chegar até as áreas de atividade pecuária.

O parque, também conhecido como Grande Pantanal Otuquis, tem uma superfície de mais de um milhão de hectares, abriga 1.647 espécies de plantas, 700 espécies de mamíferos, 400 de peixes e outras 1,1 mil de borboletas.

Além disso, o vice-ministro de Meio Ambiente boliviano, Juan Pablo Ramos, disse hoje que os focos de calor por incêndios no país aumentaram 68% em maio passado com relação ao mesmo mês de 2009.

Ele assegurou que seu escritório trabalha para evitar o aumento dos focos de calor, sobretudo antes que comece a época de "chaqueos", uma prática dos camponeses bolivianos que consistente em fazer pequenos incêndios para ampliar as áreas de cultivo.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h16

    -0,05
    3,173
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h23

    1,12
    65.403,25
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host