UOL Notícias Notícias
 
19/07/2010 - 10h09

ONU recomenda que Colômbia e Venezuela resolvam diferenças no diálogo

Genebra, 19 jul (EFE).- O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, declarou à Colômbia e à Venezuela, que atravessam uma crise diplomática, que o diálogo é a melhor ferramenta para resolver qualquer diferença "entre vizinhos", nesta segunda-feira.

"Estou ciente de que há tensões entre os dois países, mas todas essas tensões e as diferenças de opinião deveriam ser resolvidas, antes de tudo, através do diálogo, de uma maneira pacífica, como bons vizinhos", recomendou Ban, depois de participar da inauguração da 3ª Conferência Mundial de Presidentes de Parlamentos.

A tensão diplomática entre Colômbia e Venezuela aumentou depois que o presidente venezuelano, Hugo Chávez, ameaçou "romper relações" com a nação vizinha "nas próximas horas".

Além disso, Chávez rebateu a declaração de Álvaro Uribe, que afirmou ter "provas contundentes" de que líderes da guerrilha de seu país estão na Venezuela. "Continue com seus ataques infundados", declarou Chávez depois do anúncio.

O secretário-geral da ONU dispôs "toda a ajuda técnica" das Nações Unidas para resolver o problema entre os dois países.

Horas antes do anúncio de Chávez sobre uma possível ruptura formal de relações, seu ministro das Relações Exteriores, Nicolás Maduro, convidou o embaixador de Caracas em Bogotá, Gustavo Márquez, para uma reunião.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host