UOL Notícias Notícias
 
20/07/2010 - 17h42

EUA informam famílias de presos cubanos sobre seu programa de refugiados

Havana, 20 jul (EFE).- O Escritório de Interesses dos Estados Unidos em Havana recebeu hoje familiares de presos políticos do Grupo dos 75 - dissidentes condenados a penas de até 28 anos na onda repressiva da Primavera Negra de 2003 -, para lhes explicar a opção de "refúgio", pela qual podem optar quando forem libertados, embora não ofereça facilidades adicionais ao procedimento comum.

Pelo menos seis familiares dos opositores foram ao escritório a convite de funcionários americanos para receber explicações sobre os procedimentos para emigrar para os Estados Unidos.

Berta Soler, membro do grupo Damas de Branco, formado por familiares desses opositores, disse que os presos que não quiserem viajar para a Espanha têm a possibilidade de optar por esse programa de refugiados com "os mesmos mecanismos que todos os cubanos que escolhem a essa opção têm que seguir".

Por sua vez, Sofia García, esposa do opositor José Miguel Martínez, destacou que para eles a opção oferecida pelos Estados Unidos "é muito remota" e "muito demorada".

García ressaltou que o trâmite pelo plano de refugiados poderia demorar mais de um ano, e não oferece as mesmas vantagens de saída do país para os familiares incluídas no acordo entre os Governos de Cuba e Espanha.

Além disso, ressaltou seus temores que após uma espera de meses o Governo cubano não os deixe sair da ilha "depois que o acordo com a Espanha acabar".

Segundo fontes do escritório americano, estas reuniões continuarão durante toda a semana com o objetivo de "oferecer orientação sobre as opções consulares para entrar nos Estados Unidos" a partir de Cuba ou da Espanha, e podem ser solicitadas por qualquer familiar interessado.

Na semana passada a opositora Comissão Cubana de Direitos Humanos e Reconciliação Nacional (CCDHRN) divulgou que pelo menos dez presos políticos não querem abandonar Cuba As libertações de todos os 52 presos com as quais o Governo de Raúl Castro se comprometeu devem ser realizadas em um prazo máximo de quatro meses.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host