UOL Notícias Notícias
 
05/08/2010 - 17h25

Organização nega ter recebido diamantes de Naomi Campbell

Johanesburgo, 5 ago (EFE).- O Fundo Nelson Mandela para a Infância negou hoje ter os "diamantes de sangue" que a modelo britânica Naomi Campbell recebeu em 1997 do ex-presidente da Libéria Charles Taylor e teria entregue posteriormente ao então diretor da organização sul-africana, Jeremy Ratcliffe.

Naomi admitiu hoje diante do Tribunal Especial para Serra Leoa, em Haia, que processa Taylor por crimes de guerra no país, que recebeu vários diamantes brutos quando conheceu o ex-presidente liberiano durante um jantar na casa de Nelson Mandela, em setembro de 1997.

O atual porta-voz do fundo, Oupa Ngwenya, disse ao canal sul-africano "e-TV" que a instituição nunca recebeu os diamantes que a modelo afirma terem sido entregues a ela naquela noite, no quarto em que estava hospedada na casa de Mandela, por dois homens desconhecidos.

A modelo também disse que depois de fechar a porta, voltou para a cama sem sequer olhar o que havia dentro da bolsa que acabava de receber.

Na manhã seguinte, a modelo abriu o presente e se encontrou com o que definiu como "duas ou três pequenas pedras sujas".

A modelo ressaltou que os diamantes não estiveram em seu poder durante mais de seis horas, pois ao saber que eles eram valiosos decidiu doá-los para o então responsável do Fundo Nelson Mandela para a Infância.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,73
    3,144
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -1,00
    65.010,57
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host