UOL Notícias Notícias
 
05/08/2010 - 05h29

Polícia indiana mata mais 2 pessoas em protestos na Caxemira

Nova Délhi, 5 ago (EFE).- Dois civis caxemirianos foram mortos nas últimas horas pelas forças de segurança nos enfrentamentos no vale da Caxemira, onde hoje segue em vigor o toque de recolher imposto há uma semana, informaram fontes oficiais.

As duas mortes se somam às 22 que, segundo dados oficiais, foram registradas desde a sexta-feira passada no vale, epicentro da nova onda de protestos de muçulmanos contra a Índia.

O ministro do Interior indiano, P. Chidambaram, advertiu ontem que a "violência sem sentido" não é a solução para os problemas da Caxemira, região de maioria muçulmana disputada por Índia e Paquistão.

Chidambaram admitiu que os mortos são civis atingidos por disparos das forças especiais da Polícia indiana, a maioria deles jovens e crianças que participam dos protestos.

O ministro disse ontem no Parlamento que cerca de 1.200 membros das forças de segurança indianas ficaram feridos pelas pedradas dos manifestantes, em uma alta de violência que começou em 11 de junho e levou a Índia a enviar 5.100 soldados de reforço ao vale caxemiriano.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    15h09

    0,30
    3,167
    Outras moedas
  • Bovespa

    15h13

    0,37
    74.717,07
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host