UOL Notícias Notícias
 
08/08/2010 - 20h21

Kirchner elogia reunião entre chanceleres de Colômbia e Venezuela

Bogotá, 8 ago (EFE).- O secretário-geral da União de Nações Sul-Americanas (Unasul), Néstor Kirchner, qualificou de "exemplar" a reunião entre os chanceleres de Colômbia e Equador, que conseguiram hoje convocar uma reunião entre os presidentes Juan Manuel Santos e Hugo Chávez, na tentativa de reconstruir as relações bilaterais.

"Tenho profunda satisfação em ter assistido a uma reunião exemplar, profundamente democrática, com clara qualidade integracionista entre os irmãos chanceleres e representantes da Colômbia e Venezuela", assinalou Kirchner à imprensa.

A reunião entre Santos e Chávez foi marcada numa reunião entre os chanceleres da Colômbia, María Ángela Holguín, e da Venezuela, Nicolás Maduro, na qual Kirchner também esteve presente como mediador da crise entre os dois países.

Ressaltou que os resultados da reunião entre os chanceleres Holguín e Maduro demonstram a "qualidade integracionista" entre Colômbia e Venezuela.

Exteriorizou que "como homem latino-americano" que trabalha pela integração está "profundamente satisfeito por este verdadeiro exemplo de responsabilidade que tiveram hoje os dois Governos e seus chanceleres".

As relações Bogotá-Caracas estão rompidas desde 22 de julho por decisão de Chávez, que considerou uma "agressão" a Colômbia denunciar na Organização dos Estados Americanos (OEA) que há guerrilheiros colombianos em território venezuelano.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,45
    3,141
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,39
    64.684,18
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host