UOL Notícias Notícias
 
10/08/2010 - 13h03

Davutoglu pede a Israel que assuma responsabilidade pelas mortes em ataque

Ancara, 10 ago (EFE).- O ministro de Assuntos Exteriores da Turquia, Ahmet Davutoglu, exigiu hoje em Ancara que Israel "assuma sua responsabilidade" no ataque ao comboio humanitário que causou a morte de nove pessoas em 31 de maio.

Em entrevista coletiva junto de seu colega belga, Steven Vanackere, o ministro turco respondeu assim ao primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, quem diante da comissão israelense que investiga o incidente tinha responsabilizado indiretamente à Turquia pelo sucedido.

Netanyahu disse que Ancara ignorou as advertências e os pedidos de Israel para deter o comboio de uma organização humanitária islamita, com sede na Turquia.

"A situação está muito clara: Israel matou civis em águas internacionais", afirmou o chefe da diplomacia turca e acrescentou que "a ninguém pode ser atribuída essa responsabilidade".

"Turquia não tem nenhuma responsabilidade neste tema e está decidida a proteger legalmente seus cidadãos", advertiu o ministro turco.

Davutoglu assegurou que seu Governo "confia plenamente" na comissão internacional da ONU e acredita que "demonstrará quem são os responsáveis conforme ao direito internacional".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h16

    -0,05
    3,173
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h23

    1,12
    65.403,25
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host