UOL Notícias Notícias
 
10/08/2010 - 19h27

Investidores que ganharam dinheiro com Madoff pedem indenização

Nova York, 10 ago (EFE).- Os investidores que ganharam dinheiro com o investidor Bernard Madoff, que roubou seus clientes em cerca de US$ 50 milhões, pediram ao juiz encarregado do caso nesta segunda-feira para que sejam indenizados com os lucros supostamente obtidos.

Em um documento divulgado hoje, os investidores solicitam por meio da advogada Helen Chaitman uma indenização referente aos lucros que haviam obtido quando a fraude foi descoberta, em 2008, e não só ao dinheiro investido, como decretou um juiz anteriormente.

Os investidores solicitam que Irving Picard, encarregado de liquidar os ativos de Madoff, verifique os valores tomando como base os números que apareciam no balanço de dezembro de 2008 e que incluíam os supostos lucros conseguidos com a fraude.

Madoff, de 72 anos, cumpre pena de 150 anos de prisão por manter uma pirâmide financeira com a qual poderia atrair quantias enormes de dinheiro com a falsa promessa de investir e obter lucros elevados, o que causou perdas bilionárias a investidores de todo o mundo.

Chaitman, que representa 700 investidores, diz em sua carta que os afetados são idosos, com idades entre 70 e 90 anos, que investiram suas economias e até mesmo suas casas na BLMIS, a empresa de Madoff.

No final de julho, Picard declarou ao diário "The Wall Street Journal" que poderia tomar medidas legais contra os investidores que ganharam dinheiro com a assessoria do mandante confesso da maior fraude financeira já conhecida.

O pedido das vítimas será analisado pelo juiz Burton Lifland, que já se mostrou contrário às reivindicações por considerar que o lucro desses investidores era totalmente fictício.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host