UOL Notícias Notícias
 
18/08/2010 - 19h06

EUA anunciam novos exercícios militares com Coreia do Sul no Mar Amarelo

Washington, 18 ago (EFE).- Os Exércitos dos Estados Unidos e da Coreia do Sul efetuarão no começo de setembro novas manobras militares conjuntas no Mar Amarelo, concentradas principalmente em exercícios anti-submarino, informou o Pentágono nesta quarta-feira.

O porta-voz do Pentágono, Brian Whitman, disse que os exercícios serão realizados no litoral oeste da península coreana e têm como objetivo realizar manobras de defesa lateral perante possíveis ataques submarinos, particularmente depois do afundamento em março da corveta sul-coreana "Cheonan", que deixou 46 mortos.

Uma investigação internacional determinou que um torpedo lançado de um submarino norte-coreano perto da fronteira marítima entre as duas Coreias, afundou o barco sul-coreano.

Pyongyang negou a implicação na tragédia e considera os exercícios militares conjuntos uma provocação por parte de seu vizinho e de Washington.

Na reunião denominada "2+2", realizada mês passado em Seul entre o secretário de Defesa dos EUA, Robert Gates, e a secretária de Estado, Hillary Clinton, e seus respectivos colegas da Coreia do Sul, Kim Tae-young e Yu Myung-hwan, respectivamente, os dois países anunciaram manobras militares conjuntas.

"Dissemos que vamos seguir realizando uma série de exercícios, que são de natureza defensiva e desenhados para enviar uma mensagem clara a Coreia do Norte" de que os Estados Unidos estão comprometidos com a defesa da Coreia do Sul, ressaltou Whitman.

A China protestou contra os exercícios dos Estados Unidos no Mar Amarelo, apesar do Exército americano realizar este tipo de manobra nesta parte do mundo durante décadas.

"A China não tem nenhum motivo para ver este exercício ou esta série de exercícios como uma ameaça a sua segurança", afirmou Whitman, que ressaltou que as manobras de setembro "pretendem impedir que a Coreia do Norte efetue mais ataques desestabilizadores, tais como o do Cheonan, e assegurar que a região possa manter a segurança e estabilidade na península coreana".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host