UOL Notícias Notícias
 
18/08/2010 - 13h15

Prefeito mexicano sequestrado no domingo é encontrado morto

Santiago (México), 18 ago (EFE).- As autoridades mexicanas confirmaram hoje a descoberta do corpo do prefeito do município de Santiago, Edelmiro Cavazos Leal, que foi sequestrado no domingo por homens armados disfarçados como agentes de uma corporação policial dissolvida, informaram fontes oficiais.

O corpo do funcionário, de 38 anos, foi encontrado no quilômetro seis da estrada que conecta a cidade de Santiago com a localidade turística de Cola de Caballo.

O prefeito estava com os olhos vendados e as mãos atadas, disseram à Efe fontes da promotoria local.

Agentes da Polícia Federal e da Agência Estatal de Pesquisas, soldados do Exército e altos funcionários como o governador de Nuevo León, Rodrigo Medina, foram ao local.

Cavazos foi sequestrado com um de seus guarda-costas na meia-noite do domingo em seu domicílio em Santiago, no estado de Nuevo León, por homens armados que se fizeram passar por agentes da Polícia Judicial Federal, um órgão que não existe há nove anos.

O guarda-costas foi libertado ileso na madrugada da segunda-feira e avisou às autoridades sobre o sequestro.

Nos últimos meses o município de Santiago registrou uma onda de violência que deixou pelo menos cinco policiais assassinados, supostamente por grupos criminosos vinculados ao crime organizado e o narcotráfico.

Santiago, 30 quilômetros ao sul de Monterrey, é considerado um "Povoado Mágico" pela Secretaria de Turismo do México.

O controle de Nuevo Léon é disputado por cartéis do Golfo e dos Zetas, antigos aliados, ambos estabelecidos principalmente no estado vizinho de Tamaulipas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host