UOL Notícias Notícias
 
19/08/2010 - 07h03

ONU estima que há 4,6 milhões de desabrigados no Paquistão

Islamabad, 19 ago (EFE).- A ONU afirmou nesta quinta-feira que estima que há 4,6 milhões de pessoas sem nenhum tipo de abrigo por conta das graves inundações do Paquistão, e realizou uma chamada para aumentar os esforços de ajuda para auxiliar as pessoas desabrigadas.

"Aproximadamente 4,6 milhões de pessoas estão sem abrigo. Isto é uma mera estimativa, pois inclui centenas de milhares (de desabrigados) que estão se mudando", indicou o organismo em comunicado.

Segundo a nota, a comunidade humanitária calcula que já há seis milhões de pessoas - antes eram dois milhões - que necessitam de tendas de campanha e lonas de plástico para enfrentar as chuvas, e que um milhão já recebeu o material.

"Os manufatureiros estão trabalhando rapidamente para fabricar os produtos que pedimos. Precisamos que os doadores sigam fornecendo fundos para alcançarmos este objetivo. Estamos convencidos de que a comunidade internacional não ficará impassível", afirmou a nota.

As piores inundações dos últimos 80 anos no Paquistão causaram a morte de cerca de 1.500 pessoas e afetaram aproximadamente 20 milhões desde o final de julho, segundo as autoridades do país.

A ONU, que arrecadou até o momento a metade dos US$ 459,7 milhões requeridos para seu plano de emergência à população, fala de mais de 1.600 mortes e situa em 15,3 milhões o número de atingidos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host