UOL Notícias Notícias
 
24/08/2010 - 13h49

Presidente do Congresso diz que obteve permissão para visitar Chávez

Bogotá, 24 ago (EFE).- O presidente do Congresso da Colômbia, Armando Benedetti, disse hoje que contou com todas as permissões de rigor para viajar para Caracas e se reunir com o líder venezuelano, Hugo Chávez, e que antes de fazer essa visita informou o governante colombiano, Juan Manuel Santos.

O legislador governista fez o esclarecimento por causa do anúncio da Procuradoria colombiana (Ministério Público) nesta segunda-feira, que não descartou abrir uma investigação disciplinar contra Benedetti por excesso de funções e prevaricação por sua visita a Chávez na semana passada.

"Eu saí com permissão da plenária (do Congresso), facultado no dia 27 de julho deste ano, e no dia 10 de agosto, na resolução 10, a mesa diretora me dá permissão para viajar para Venezuela", disse em uma entrevista à emissora "La FM".

"Por outro lado, isto era sabido pelo presidente Santos, pela senhora chanceler (María Ángela Holguín) e em nenhum momento me limitaram em minhas funções, já que não tive nenhum compromisso público ou um compromisso assinado onde estivesse representando a alguém", esclareceu.

"Eu viajei lá pelas mãos do Governo e da senhora chanceler, e aí estão os resultados, algum juro, e em algo contribuímos para que se tenham normalizado ou comecem a se normalizar as relações", especificou.

O procurador-geral, Alejandro Ordóñez, assinalou na véspera que o legislador poderia ser investigado disciplinarmente por excesso de funções e prevaricação.

Benedetti foi convidado pelo Congresso e pelo Governo da Venezuela a visitar esse país dentro das aproximações realizadas por Chávez e Santos para superar a crise dos últimos anos nas relações bilaterais.

No dia 10 de agosto Santos e Chávez concordaram em restabelecer as relações diplomáticas e comerciais, congeladas desde agosto de 2009 e desfeitas por decisão do líder venezuelano no dia 22 de julho.

Os dois Governos formaram comissões bilaterais de trabalho que buscam soluções para os temas problemáticos que levaram ao rompimento das relações.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,02
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,02
    75.974,18
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host