UOL Notícias Notícias
 
14/09/2010 - 09h14

Hamas critica negociações entre palestinos e israelenses no Egito

Gaza, 14 set (EFE).- O Hamas criticou duramente nesta terça-feira a realização, no Egito, da segunda rodada de negociações entre israelenses e palestinos, por considerar que com isso "se legaliza a ocupação".

A negociação "está legalizando a ocupação e encobre os crimes da ocupação" israelense, disse em comunicado o porta-voz da organização islâmica, Sami Abu Zuhri.

O Hamas, que controla a Faixa de Gaza desde 2007, se opõe a qualquer forma de diálogo com Israel e, oficialmente, rejeita todos os acordos alcançados até agora por israelenses e palestinos em processo anteriores.

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, e o presidente da Autoridade Nacional Palestina, Mahmoud Abbas, se encontram hoje na cidade egípcia de Sharm el-Sheikh, que sedia a segunda rodada de negociações diretas desde seu relançamento em Washington, há duas semanas.

"O Hamas adverte o partido Fatah (dirigido por Abbas) sobre as consequências de continuar estas conversas catastróficas e destrutivas, e o exortamos a deter esta farsa", considerou Abu Zuhri.

O chefe do braço armado do movimento, Ahmad al-Jabari, uniu-se às críticas e insistiu na Jihad (Guerra Santa) como única via de luta contra Israel.

"A ocupação de Israel só pode ser derrotada com fogo e luta", diz mensagem dos milicianos divulgada na internet.

Jabari, que não costuma aparecer diante da imprensa por temer ser alvo do Exército israelense, insistiu em que as Brigadas Izz al-Din Al-Qassam seguem comprometidas em "libertar toda o território palestino, desde o Mar Mediterrâneo até o Rio Jordão, e com toda a Jerusalém como capital".

"O território palestino será eternamente a terra do Islã", acrescenta, encorajando seus homens a seguirem o "caminho do sacrifício que conduz ao paraíso".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    09h49

    -0,28
    3,267
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -1,54
    61.673,49
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host