UOL Notícias Notícias
 
25/03/2011 - 06h36

Sobe para 70 o número de mortos por terremoto em Mianmar e Tailândia

Da EFE
Em Bancoc
  • Monge budista tailandês observa construção destruída pelo terremoto

    Monge budista tailandês observa construção destruída pelo terremoto

Pelo menos 70 pessoas morreram e mais de cem ficaram feridas pelo terremoto de magnitude 6,8 que na noite de quinta-feira sacudiu uma região fronteiriça entre Mianmar, Tailândia e Laos, indicaram fontes oficiais.

A maior parte das mortes aconteceu em aldeias situadas na região nordeste de Mianmar, próxima à Tailândia, de acordo com funcionários da cidade fronteiriça de Tachilek citados pela rádio estatal tailandesa.

Além de Tachilek, também houve vítimas e edifícios derrubados em Mong Lin, Mang Pyak e Tarlay.

Neste último povoado, próximo ao epicentro, 20 pessoas morreram e 45 edifícios desmoronaram, incluindo os mosteiros de Fonekha, Naamkham e Parhlaing.

Também houve relatos de edifícios parcialmente destruídos em Mong Lin (133) e Tachilek (130).

Fontes militares birmanesas, por sua vez, indicaram que há entre as vítimas fatais pelo menos 17 soldados e civis que estavam em alojamentos do Exército situados nos arredores de Tachilek, um das passagens fronteiriças com a Tailândia.

Cerca de 40 feridos foram atendidos no hospital de Tachilek, onde as autoridades birmanesas estabeleceram o centro de resgate e de ajuda aos desabrigados.

Além disso, outra mulher morreu na província tailandesa de Chiang Rai após uma parede de sua casa desmoronar enquanto ela dormia.

A "Mianmar TV" elevou a 7 graus a magnitude do tremor, que pôde ser sentido em Bancoc, Hanói e cidades do sul da China, a várias centenas de quilômetros de distância.

O forte sismo causou um blecaute temporário na cidade fronteiriça tailandesa de Mae Sai, e alguns turistas deixaram seus hotéis e dormiram ao relento por temer réplicas em outras comunidades do norte do país.

Segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos, que mede a atividade sísmica mundial, o epicentro foi localizado a dez quilômetros de profundidade e 82 quilômetros ao norte de Chiang Mai, a segunda maior cidade da Tailândia e um dos principais destinos turísticos.

O sismo ocorreu em uma região remota, montanhosa e pouco habitada que faz parte do chamado Triângulo de Ouro do tráfico de drogas, onde convergem as fronteiras de Mianmar, Laos e Tailândia.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    13h50

    -0,58
    3,118
    Outras moedas
  • Bovespa

    13h50

    -0,60
    75.517,67
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host