UOL Notícias Notícias
 

Terremoto no Japão

Um dos maiores tremores da história desencadeia um tsunami, provoca mortes e deixa um rastro de destruição no Japão

  • Imagem: Reprodução
07/04/2011 - 00h55

Plutônio é detectado no terreno da usina de Fukushima, no Japão

Tóquio, 7 abr (EFE).- A empresa Tokyo Electric Power Company (Tepco) informou nesta quinta-feira que voltou a encontrar "pequenas" amostras de plutônio em quatro diferentes pontos no exterior da usina nuclear de Fukushima, embora considere que a quantidade não representa risco para a saúde.


As amostras foram recolhidas nos dias 25 e 28 de março e em um dos pontos registraram concentração de plutônio 238 equivalente a 0,26 becquerel por quilo, 50% abaixo dos primeiros registros conhecidos na segunda-feira da semana passada.

A Tepco anunciou em 28 de março ter encontrado plutônio pela primeira vez em amostras tomadas no exterior da usina nuclear de Fukushima nos dias 21 e 22 de março, embora em quantidades similares às encontradas no meio ambiente no Japão.

A operadora da central, no entanto, indicou em comunicado que as últimas amostras recolhidas provêm do acidente nuclear de Fukushima Daiichi, podendo vir dos vazamentos do núcleo de um reator ou terem sido causadas por algumas das explosões nas unidades da central.

O reator 3 utiliza uma tóxica mistura de urânio e plutônio conhecida como MOX.

A Tepco não conseguiu identificar a origem deste plutônio, já que se trata de um subproduto de reações de fissão originado também em reatores alimentados por urânio, como no caso das unidades 1 e 2.

A operadora da usina lembrou que os níveis de plutônio 238 e 239 detectados até o momento no exterior da central de Fukushima Daiichi não representam um risco para a saúde.

Nível de radiação a que estamos expostos e seus efeitos

  • Fonte: The Guardian e Radiologyinfo.org

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,85
    3,308
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h22

    0,25
    72.607,70
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host