PUBLICIDADE
Topo

Chávez diz que Dilma confirmou reunião do Mercosul e o convidou

Em Caracas

19/07/2012 22h59

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, informou nesta quinta-feira que foi convidado por Dilma Rousseff para uma reunião extraordinária do Mercosul que a presidente confirmou que acontecerá no próximo dia 31, no Rio de Janeiro, e na qual o país entrará oficialmente para o grupo.

"Tive uma conversa muito agradável com a presidente Dilma, nossa querida companheira. Ela me confirma e me convidou para a reunião do Mercosul", disse Chávez através de sua conta no Twitter.

"Venezuela no Mercosul! Isso sim é o novo! Uma nova Venezuela! Uma nova América do Sul! Uma nova Geopolítica!", completou o presidente venezuelano, comemorando.

As publicações de Chávez são indiretamente dirigidas ao candidato da oposição à Presidência do país, Henrique Capriles, que debochou após o rival se classificar como novo.

Chávez confirmou na última terça-feira que viajará ao Rio de Janeiro no dia 31 para a cerimônia de incorporação de seu país como membro pleno do Mercado Comum do Sul, integrado atualmente por Argentina, Brasil, Uruguai. O Paraguai foi suspenso em junho passado após a destituição de Fernando Lugo como presidente.