Topo

Ataques suicidas no oeste do Iraque deixam pelo menos sete mortos

2015-06-09T08:55:00

09/06/2015 08h55

Bagdá, 9 jun (EFE).- Pelo menos sete pessoas morreram nesta terça-feira e outras 20 ficaram feridas em dois atentados suicidas consecutivos perpetrados na província de Al-Anbar, no oeste do Iraque, informou à Agência Efe uma fonte policial.

O primeiro suicida detonou o cinto explosivo que levava na entrada do edifício da administração local da população de Ameriya al Faluja.

No meio do caos causado por esse primeiro atentado, outro terrorista aproveitou para entrar no edifício e ateou fogo em si mesmo também com um cinto de explosivos.

Entre os feridos pelos atentados, que causaram grandes destroços materiais, figura o presidente do Conselho local, Shaker Mahmoud al Essawi.

A fonte disse que as autoridades locais impuseram um toque de recolher por tempo indefinido em uma tentativa de impedir novos atentados.

A província de Al-Anbar é palco de uma ofensiva militar cujo principal objetivo é recuperar sua capital, Ramadi, arrebatada do Exército pelo grupo jihadista Estado Islâmico (EI) em 17 de maio.

O Iraque se encontra imerso em uma grave crise devido ao avanço dos jihadistas. Amanhã completa um ano da tomada do controle de Mossul por parte do grupo terrorista, a segunda cidade do país.

O EI proclamou, além disso, em 29 de junho um califado que abrange desde a província síria de Aleppo até a iraquiana de Diyala.

Mais Notícias