Papa diz que os pais que têm tempo para filhos é que merecem o Nobel

Na Cidade do Vaticano

  • Alessandro Bianchi/Reuters

O papa Francisco afirmou nesta quarta-feira que os pais e mães que encontram tempo para tudo, sobretudo para os filhos, "poderiam ganhar o Nobel", na catequese que pronunciou durante a audiência geral na praça de São Pedro.

Na semana passada, o jornal argentino "La Nación" publicou que o nome do papa aparece em uma lista de 20 possíveis indicados ao Prêmio Nobel da Paz, definida pela fundação norueguesa que concede a honraria. 

Francisco dedicou sua catequese à importância da oração na família e afirmou que "apesar do complicado que é o tempo na família, sempre ocupada, com mil coisas que fazer, a oração nos permite encontrar a paz para as coisas necessárias, e descobrir o gozo dos dons inesperados do Senhor, a beleza da festa e a serenidade do trabalho".

O pontífice explicou como para as famílias de hoje "é um período complicado, porque os pais têm muitas coisas que fazer", mas elogiou os "que conseguem ter tempo para tudo: para o trabalho, para a casa e sobretudo para os filhos".

"Resolvem tudo com uma equação e nem os grandes matemáticos saberiam resolver. As 24 horas do dia parecem 48. Há mães e pais que poderiam ganhar o Nobel", considerou.

Francisco também pediu aos católicos que leiam o evangelho diariamente e em família. "Quando nos sentemos à mesa, digamos juntos uma oração com singeleza".

Também insistiu que as mães e os pais ensinem "a fazer o sinal da cruz às crianças".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos