PUBLICIDADE
Topo

França dedica minuto de silêncio em homenagem às vítimas de atentados

16/11/2015 10h13

Paris, 16 nov (EFE).- O silêncio tomou conta das ruas da França ao meio-dia (9h de Brasília) desta segunda-feira, o momento marcado pelo governo para homenagear as vítimas dos atentados que na sexta-feira passada causaram pelo menos 129 mortes em Paris e arredores.

O presidente François Hollande compareceu à Universidade Paris-Sorbonne acompanhado do primeiro-ministro, Manuel Valls, para acompanhar o minuto de silêncio entre jovens, os mais atingidos pelos terroristas.

O canto espontâneo da Marselhesa, o hino nacional francês, rompeu o minuto de silêncio na insituição de ensino. Logo depois, Hollande cumprimentou as autoridades docentes junto com a ministra da Educação, Najat Vallaud-Belkacem.

O chefe de Estado discursará à nação nesta tarde perante os parlamentares das duas câmaras legislativas do país reunidas em Congresso extraordinário em Versalhes.

O minuto de silêncio foi feito também em outros pontos da cidade, como as proximidades da sala de festas Bataclan, o lugar onde mais pessoas morreram nos atentados.

Na praça da República, transformada no lugar de homenagem às vítimas, centenas de presentes também se calaram durante um respeitoso minuto, interrompido apenas pelos aplausos dos cidadãos.

Em frente à catedral de Notre Dame, diversas pessoas se concentraram para marcar a homenagem, seguida pelo som dos centenários sinos. O minuto de silêncio também foi feito no restante do país.

Notícias