Braço líbio do EI lança segundo ataque contra portos petroleiros na Líbia

Trípoli, 5 jan (EFE).- Unidades de ataque do braço líbio do grupo jihadista Estado Islâmico (EI) atacaram nesta terça-feira, pelo segundo dia consecutivo, o porto petróleo de Sidra, o maior da Líbia, informou à Agência Efe um responsável de segurança da cidade vizinha Ajdabiya.

Segundo seu relato, os ataques ocorreram desde a alvorada tanto no exterior deste terminal de carga petrolífera como no vizinho porto de Ras Lanuf e nos arredores da cidade de Ben Jawad, que tem parte em mãos dos extremistas.

"Nesta manhã foi retomada a tentativa de ataque do porto depois que ontem foi repelido pelas forças de Segurança" afins ao governo de Tobruk, disse a fonte.

O ataque a ambos terminais começou na segunda-feira com uma primeira ofensiva na qual, segundo responsáveis de segurança líbios, morreram quatro supostos jihadistas, entre eles um dos principais comandantes da organização, identificado como Abu Himam al Tunisi

No combate também perderam a vida dois agentes destas forças, que são lideradas pelo miliciano e o senhor da guerra Ibrahim Yidran, leal ao general Khalifa Hafter, chefe do Exército leal ao governo em Tobruk.

"Os membros do EI vieram a bordo de cerca de 70 veículos armados para tentar tomar o controle do porto petroleiro", precisou ontem a fonte.

Enquanto isso, aviões de combate procedentes de uma base na cidade de Misrata e sob o comando do general Hafter contribuíram para a defesa deste terminal de exportação com bombardeios desde a primeira hora da manhã, acrescentou a fontes.

O porta-voz da Companhia Nacional de Petróleo (CNP), Mohammed al Harari, confirmou à Agência Efe que os ataques causaram um grave incêndio em um depósito que armazenava o equivalente a cerca de 420 mil barris de petróleo.

Os dois portos petroleiros de Sidra e Ras Lanuf permanecem fechados há um ano por causa dos ataques aéreos e dos combates entre as facções rivais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos