Ban Ki-moon classifica teste nuclear norte-coreano como "inquietante"

Nações Unidas, 6 jan (EFE).- O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, classificou nesta quarta-feira como "profundamente inquietante" o teste nuclear anunciado pela Coreia do Norte e exigiu a esse país que cesse imediatamente qualquer atividade nesse sentido.

"Este ato é profundamente desestabilizador para a segurança regional e afeta gravemente os esforços internacionais para a não-proliferação (de armas de destruição em massa)", afirmou Ban em um breve pronunciamento a jornalistas na sede das Nações Unidas.

O secretário-geral da ONU leu seu discurso meia hora antes de uma reunião de urgência, a portas fechadas, convocada pelo Conselho de Segurança para analisar as repercussões desse teste nuclear.

A Coreia do Norte anunciou hoje que realizou seu primeiro teste com uma bomba nuclear de hidrogênio. Trata-se do quarto teste nuclear conhecido desde 2006, quando a ONU começou a impor sanções ao país por essas provas.

"O teste nuclear subterrâneo anunciado hoje pela Coreia do Norte é profundamente inquietante", afirmou Ban.

"Mais uma vez, este teste viola as várias resoluções do Conselho de Segurança, apesar dos apelos unificados da comunidade internacional para que essas atividades acabem", acrescentou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos