Moscou pede calma após suposto teste nuclear da Coreia do Norte

Moscou, 6 jan (EFE).- A Rússia pediu nesta quarta-feira calma a todas as partes envolvidas no conflito entre as duas Coreias após o anúncio de Pyongyang de que detonou pela primeira vez uma bomba de hidrogênio, e advertiu que, caso isso se confirme, será uma grave violação das resoluções da ONU.

"Nesta situação pedimos a todas as partes que mantenham a calma e não tomem ações que possam provocar uma incontrolada escalada de tensão na Ásia nordeste", advertiu a porta-voz do Ministério das Relações Exteriores russo, Maria Zakharova.

Se o teste com a bomba H for confirmado, acrescentou a porta-voz, Pyongyang terá dado outro passo no desenvolvimento de seu arsenal nuclear, ato que será qualificado de uma grave violação do direito internacional e das resoluções do Conselho de Segurança da ONU.

"Ações como esta ameaçam provocar uma escalada da situação na península de Coreia, que já se caracteriza por um alto potencial de confronto político-militar", recalcou Zakharova.

A Rússia está analisando cuidadosamente o anúncio feito hoje pela Coreia do Norte e os dados técnicos para confirmar sua veracidade.

Ao mesmo tempo, a Rússia reiterou que o conflito entre as duas Coreias deve ser resolvido pela via diplomática, dentro do processo de negociação de seis lados que busca garantir a paz e a segurança na região (as duas Coreias, Estados Unidos, Rússia, China e Japão).

Um terremoto de cinco graus na escala Richter sacudiu no começo da manhã a região nordeste da Coreia do Norte, fazendo pressagiar um novo teste nuclear do regime norte-coreano depois dos realizados em 2006, 2009 e 2013.

"Agora somos um Estado nuclear que também possui a bomba de hidrogênio", afirmou um locutor da televisão estatal "KCTV" em um boletim especial horas depois da suposta detonação, que ainda não foi confirmada por especialistas internacionais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos