Papa diz que Reis Magos ensinam a não se conformar com a mediocridade

Cidade do Vaticano, 6 jan (EFE).- O papa Francisco afirmou nesta quarta-feira durante o Ângelus pela festa da Epifania que a experiência dos três Reis Magos "pede para que não nos conformemos com a mediocridade".

"A experiência dos Magos nos pede para que não nos conformemos com a mediocridade, a não viver atirando do melhor modo, mas a buscar o sentido das coisas, a apurar com paixão o grande mistério da vida", assinalou Francisco desde a janela do apartamento apostólico.

E acrescentou: "Nos ensina a não nos escandalizarmos como minúsculo e o pobre, mas a reconhecer a altivez na humildade, a saber nos ajoelharmos diante de ela".

O papa assinalou que os Reis Magos eram "homens prestigiados, de regiões distantes e culturas diferentes que empreenderam o caminho em direção a terra de Israel para adorar o rei nascido".

"A Igreja sempre viu neles a imagem da humanidade inteira e com a celebração da Epifania quer quase guiar respeitosamente cada homem e cada mulher deste mundo para o menino que nasceu para salvar a todos", explicou.

O pontífice lembrou que o nascimento de Cristo atraiu pastores, "homens humildes e desprezados", os primeiros a ir ao presépio, e aos reis, todos eles unidos por "um aspecto comum: o céu".

"Os pastores e os Magos nos ensinam que para encontrar Jesus é necessário levantar o olhar para o céu, não ficarmos fechados em nós mesmos, mas ter o coração e a mente abertos ao horizonte de Deus", considerou.

Centenas de fiéis e turistas que assistiram à tradicional cavalgada dos Reis Magos, que aconteceu na via della Conciliação, que liga Roma com o Vaticano, ouviram da Praça de São Pedro o discurso do papa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos