Primeiro-ministro e todo o gabinete renunciam na Costa do Marfim

Abidjan, 6 jan (EFE).- O primeiro-ministro da Costa do Marfim, Daniel Kablan Duncan, renunciou nesta quarta-feira junto com toda sua equipe de governo, depois de em outubro o presidente, Alassane Ouattara, ser reeleito para seu segundo mandato à frente do país.

"O estabelecimento de um novo governo terá maior coerência com o propósito de ser mais eficiente", disse hoje o presidente marfinense após aceitar as renúncias, que eram esperadas há semanas, na que seria a primeira reunião do ano do Gabinete.

Além disso, felicitou o primeiro-ministro por sua habilidade e liderança durante o tempo em que esteve à frente da equipe de governo.

Duncan foi nomeado primeiro-ministro em 2013 e é considerado por muitos como o promotor do rápido crescimento econômico que a Costa do Marfim experimentou sob o comando de Ouattara.

Semana que vem o presidente marfinense deve nomear o novo governo, "rejuvenescido", segundo analistas marfinenses.

Ouattara foi reeleito presidente em outubro passado para um novo mandato de cinco anos após obter 83,6% dos votos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos