Hospital na China é demolido com médicos e pacientes dentro

Em Pequim

  • Reprodução/weibo.com/breakingnews

Um hospital universitário da cidade de Zhengzhou, capital da província de Henan, na China, foi demolido nesta quinta-feira (7) com a presença de vários médicos e pacientes dentro dele, que se salvaram no último minuto, informou a versão online "Dahe Daily".

Imagens mostram pelo menos dois consultórios totalmente no chão, depois que escavadeiras entraram de surpresa no Fourth Affiliated Hospital of Zhengzhou University. De acordo com o jornal local, a ação destruiu equipamentos avaliados em 4 milhões de iuanes (mais de R$ 2 milhões).

Conforme relatos, vários funcionários ficaram feridos ao tentar parar os operários das máquinas e seis corpos que estavam no necrotério do hospital ficaram completamente cobertos pelos escombros.

O jornal oficial não detalhou as causas da demolição, embora este tipo de ação, ainda que ilegal, seja frequente na China devido a conflitos de propriedade nos quais os governos locais não agem frente aos abusos das construtoras.

Nestes conflitos, as empresas costumam destruir imóveis sem piedade, mesmo que seus inquilinos não queiram deixar o local, seja por desacordo sobre as indenizações que devem receber ou pela simples recusa de deixar seus lares.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos