Líder do PSOE diz que partido tentará formar governo se PP fracassar

Lisboa, 7 jan (EFE).- O secretário-geral do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE), Pedro Sánchez, afirmou nesta quinta-feira que seu partido "assumirá sua responsabilidade" e tentará liderar um Executivo se o Partido Popular (PP) fracassar em sua tentativa de formar governo.

"O PSOE estenderá a mão a todas as forças progressistas para liderar a mudança política de que a Espanha precisa", disse Sánchez.

Após reiterar que os socialistas votarão contra a posse de Mariano Rajoy, Sánchez fez estas declarações no final da reunião que teve esta tarde com o primeiro-ministro e líder dos socialistas de Portugal, Antonio Costa, em Lisboa.

"Da mesma forma que Portugal, a Espanha precisa de uma mudança rumo a um governo forte, progressista e com capacidade de diálogo e, no atual cenário pós-eleitoral os pactos na Espanha passam também pelo PSOE", disse o secretário-geral do PSOE.

Em Portugal, depois que os conservadores venceram as eleições sem maioria, os socialistas fecharam um acordo inédito com a esquerda radical do Bloco de Esquerda (aliada na UE a Podemos e Syriza) e com o ortodoxo Partido Comunista de Portugal (PCP).

Os três partidos, que nunca antes tinham se entendido em 40 anos de democracia, conseguiram forçar a renúncia do gabinete de centro-direita de Pedro Passos Coelho, que foi reeleito no dia 4 de outubro de 2015, mas sem maioria absoluta.

Na Espanha, o PP de Mariano Rajoy venceu as eleições com 28% dos votos (seis pontos mais que o PSOE), mas, por enquanto, não conseguiu apoio suficiente no Parlamento para formar governo.

Para que os socialistas espanhóis pudessem governar, não só precisariam contar com os apoios da esquerda - Podemos e Esquerda Unida -, mas precisaria também do aval de outros partidos, entre eles os nacionalistas.

A visita de hoje é a terceira oficial a Lisboa de Sánchez - que estava acompanhado da encarregada dos temas europeus, Iratxe García - desde que foi nomeado secretário-geral do PSOE em julho de 2014. EFE

pi/ma

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos