Londres convoca embaixador norte-coreano pelo teste nuclear

Londres, 7 jan (EFE).- O Ministério das Relações Exteriores do Reino Unido convocou nesta quinta-feira o embaixador da Coreia do Norte em Londres, Hyon Hak Bong, para expressar sua "condenação" ao suposto teste nuclear com bomba de hidrogênio realizado pelo país asiático.

O secretário de Estado das Relações Exteriores, Hugo Swire, comunicou ao diplomata que esses testes nucleares representam "uma violação" das resoluções da ONU e disse que o Reino Unido apoiará um aumento das medidas contra o regime de Pyongyang.

"Peço ao regime da Coreia do Norte que atue no melhor interesse de seu povo e escolha um caminho que verdadeiramente o beneficie", disse o político britânico, segundo um comunicado divulgado pelo Foreign Office.

Enquanto o ministro titular da pasta, Philip Hammond, está em Manila, nas Filipinas, como parte de sua visita oficial pela Ásia, Swire apresentou ao embaixador norte-coreano a posição do Reino Unido.

O teste, que ainda está sendo verificado, "é uma clara violação de múltiplas resoluções do Conselho de Segurança da ONU e do Reino Unido apoia a determinação da ONU de introduzir novas medidas significativas contra o regime", disse.

Swire lembrou que ontem "o Reino Unido e outros membros do Conselho" emitiram um comunicado de condenação ao suposto teste por considerá-lo uma "clara ameaça para a paz e a segurança" na península coreana e em nível internacional.

"É essencial que a comunidade internacional se mantenha unida em seu enfoque e trabalhe sobre essas medidas em uma nova resolução do Conselho de Segurança", acrescentou.

Segundo o secretário de Estado, a prioridade do governo norte-coreano deveria ser melhorar "a saúde e bem-estar" do povo, pois há indicações de "abusos dos direitos humanos e privação estendida" no país.

Assim como a União Europeia e outros países, os Estados Unidos pediram uma "forte" resposta internacional às provocações norte-coreanas, o que se prevê que desemboque em novas sanções internacionais contra o regime dirigido por Kim Jong-un.

A Coreia do Norte anunciou ontem em sua rede de televisão estatal que há realizou seu primeiro teste com uma bomba nuclear de hidrogênio, pouco depois de ter sido detectado um tremor de magnitude 5 na escala Richter no nordeste do país.

Este seria o primeiro teste norte-coreano com uma arma termonuclear, cuja detonação é mais poderosa que a dos dispositivos atômicos convencionais que a Coreia do Norte utilizou em seus três testes anteriores - em 2006, 2009 e 2013.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos