Sobe para 516 o número de denúncias de crimes cometidos em Colônia

Berlim, 10 jan (EFE).- A Polícia de Colônia, na Alemanha, informou neste domingo que o número de denúncias apresentadas por supostos crimes cometidos na noite de Ano Novo na estação de trem da cidade subiu para 516 e 40% delas são por assédio sexual.

Nas últimas 24 horas as denúncias em Colônia, a quarta maior cidade da Alemanha, passaram de 379 a 516. Já em Hamburgo, a segunda maior do país e onde aconteceram situações semelhantes na mesma noite, já são 133 queixas.

Em comunicado, a Polícia de Colônia informou que prendeu um marroquino de 19 anos como suspeito do roubo de um telefone celular no Réveillon. O jovem, detido ontem, é conhecido pela polícia desde janeiro de 2013 por diferentes crimes e já foi preso.

A Polícia de Colônia explicou que identificou mais 19 suspeitos de envolvimento com os fatos da última noite do ano, quando 1.000 homens se reuniram na frente da estação de trem e agrediram, roubaram e assediaram mulheres.

As forças de segurança trabalham agora para encontrar provas concretas que permitam apresentar acusações. Para isso, várias gravações de vídeos realizadas na região estão sendo analisados.

Segundo a polícia, há muitas semelhanças entre os fatos de Colônia e Hamburgo, onde várias mulheres foram cercadas por homens, aparentemente norte-africanos e árabes, e foram vítimas de agressões sexuais e roubos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos