Detenção de "El Chapo" é formalizada para iniciar processo de extradição

Cidade do México, 10 jan (EFE).- As autoridades do México informaram neste domingo que a Interpol México formalizou a detenção do narcotraficante Joaquín "El Chapo" Guzmán, capturado na sexta-feira em seu estado natal de Sinaloa (noroeste), com o que pode começar o procedimento para extraditar o criminoso para os Estados Unidos.

Em comunicado, a Procuradoria Geral da República (PGR) detalhou que "elementos da Interpol México, junto com a Agência de Investigação Criminal (AIC), executaram no interior do Centro Federal de Readaptação Social número 1, as duas ordens de detenção formal com fins de extradição contra Joaquín Guzmán Loera".

Guzmán foi levado para o presídio na sexta-feira à noite, seis meses depois de fugir desse mesmo local por um túnel de 1,5 quilômetro conectado com uma casa abandonada.

Segundo a PGR, "uma vez realizada a parte probatória do procedimento de extradição, os juízes emitirão uma opinião jurídica e posteriormente se enviarão os processos à Secretaria de Relações Exteriores, para que ela emita os acordos correspondentes".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos