Atriz Kate del Castillo ofereceu a "El Chapo" chance de "falar para o mundo"

Cidade do México, 13 jan (EFE).- "Queremos que você se grave dizendo o que quiser que o mundo saiba", escreveu a atriz mexicana Kate del Castillo ao narcotraficante Joaquín "El Chapo" Guzmán, a quem também ofereceu a possibilidade de "aprovar" a entrevista feita com o ator americano Sean Penn antes dela ser publicada pela revista "Rolling Stone".

Assim revelaram as mensagens interceptadas pelo governo do México e publicadas nesta quarta-feira pelo jornal "Milenio". A atriz e "El Chapo" conversaram durante semanas sobre o encontro entre os três no noroeste do México, no princípio de outubro.

"O acompanhante (Sean Penn) já escreveu o artigo e tem garantida a capa que falamos. Você só tem que aprovar antes de ser publicada", escreveu Kate, chamada nos diálogos de "Ermoza".

Essas mensagens foram supostamente enviadas no dia 9 de novembro do ano passado, depois da reunião realizada entre os dois atores e o narcotraficante na noite do dia 2 de outubro.

No mesmo dia, ela diz que vai ver uma forma de enviar Sean Penn ao México "junto com várias perguntas que queremos que você conteste" e que seriam a base do questionário em vídeo que a revista publicou na íntegra.

Dias antes, a atriz que interpretou a líder de um cartel das drogas na novela "A Rainha do Sul", baseada no livro de Arturo Pérez-Reverte, escreveu ao "El Chapo" que tinha "boas notícias".

"Meu acompanhante conseguiu algo 'súper!'. Quero que procure esse nome, Joshua Dratel. Esse homem aceitou representá-lo sem cobrança, pró bonus", destacou a atriz.

Dratel é um advogado estabelecido em Nova York conhecido por representar polêmicos personagens, como acusados de terrorismo ou traficantes. As últimas mensagens indicam que Kate sabia que o diálogo estava sendo vigiado pelas autoridades.

"Meu acompanhante me disse que eles estão me vigiando e esperam que eu os leve até você. Não posso arriscar agora, é perigoso demais, por mais que nós dois queiramos te ver e completar a missão que você me encarregou", afirmou.

Nos meses nos quais "El Chapo" e Kate conversaram por meio de um celular que o narcotraficante repassou à atriz, várias mensagens de carinho foram captadas pelas autoridades.

"Te quero e te admiro" e "não tenho como pagar o que está fazendo por mim e pelos meus filhos" são alguns dos textos que "El Chapo", que foi batizado de "1" nas mensagens, enviou à atriz, a quem se refere como "amiga".

"El Chapo", inclusive, se lembra de parabenizá-la no dia de seu aniversário. "Feliz aniversário lhe deseja quem te aprecia e te quer: teu amigo", escreveu o narcotraficante, desejando o "melhor hoje e sempre" à atriz.

Por sua vez, a atriz, que supostamente ia produzir um filme contando a vida do narcotraficante, expressou enfaticamente sua "emoção" pelo projeto empreendido por "El Chapo", a quem agradeceu por "sua confiança". "Me dá muita esperança poder vê-lo ao vivo, em pessoa. Obrigado", diz uma das mensagens da atriz.

Kate também demonstra seu entusiasmo por "compartilhar" uma tequila com "El Chapo": "É um sonho que já queria completar".

Depois de ocorrido o encontro de outubro, as mensagens da atriz continuam mostrando entusiasmo. "Não durmo muito desde que te vi, estou emocionada com nossa história... é a verdade. É só nisso que penso", escreveu.

As autoridades mexicanas explicaram que a vigilância dos órgãos de inteligência sobre os dois atores contribuiu para localizar o paradeiro do narcotraficante. No dia 4 de outubro, ele foi visto na região montanhosa conhecida como Triângulo Dourado, em um helicóptero. Os agentes não abriram fogo porque ele estava segurando uma menina no colo e acompanhado de duas mulheres.

Na última sexta-feira, a Marinha realizou a "Operação Cisne Negro" em uma casa na cidade de Los Mochis, em Sinaloa. Embora "El Chapo" tenha conseguido escapar por um túnel secreto que chegava à rede de esgoto, horas mais tarde foi capturado em uma estrada depois de uma mulher denunciar que seu veículo tinha sido roubado.

O narcotraficante foi preso junto com seu chefe de segurança, Orso Ivan Gastélum Cruz, seis meses depois de ter fugido pela segunda vez de uma prisão de segurança máxima mexicana.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos