Irã exige desculpas dos EUA e diz que detenção de navios "não durará muito"

Teerã, 13 jan (EFE).- O Irã exigiu nesta quarta-feira desculpas das autoridades dos Estados Unidos pela incursão em suas águas territoriais de dois navios de guerra que foram capturados, mas confirmou que a detenção das embarcações e suas tripulações "não durará muito".

Essas foram as palavras ditas hoje pelo vice-almirante Ali Favadi, comandante da Marinha da Guarda Revolucionária do Irã, o corpo responsável pela segurança nas águas iranianas do Golfo Pérsico, que na terça-feira deteve as duas embarcações dos EUA e seus dez tripulantes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos