Hollande perde popularidade que ganhou após os atentados de Paris

A popularidade do presidente francês, François Hollande, voltou a cair para 25% em janeiro, o mesmo nível que registrava antes dos atentados de Paris de 13 de novembro, segundo uma pesquisa divulgada neste sábado (23).

O presidente francês obteve uma popularidade de 36%, justo depois dos atentados, reinvindicados pelo grupo jihadista Estado Islâmico (EI) e que matou 130 pessoas.

Mas, em dezembro, a popularidade do presidente já havia caído 3%, segundo a pesquisa divulgada pela televisão "itélé".

O mesmo efeito aconteceu após os atentados de janeiro de 2015 contra a revista satírica "Charlie Hebdo" e um supermercado judeu.

Então, Hollande chegou a registrar uma aprovação de 34%, mas dois meses mais tarde a mesma caiu até os 27%.

Já o primeiro-ministro francês, Manuel Valls, conta com 39% de apoio.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos