Presidente de Taiwan aprova renúncia de primeiro-ministro e nomeia vice

Taipé, 25 jan (EFE).- O presidente de Taiwan, Ma Ying-jeou, aprovou nesta segunda-feira a renúncia do primeiro-ministro, Mao Chi-kuo, e nomeou como substituto o até agora vice-primeiro-ministro, Simon Chang, anunciou o porta-voz Charles Chen.

Mao apresentou sua renúncia no último dia 16, após a vitória da candidata à presidência do Partido Democrata Progressista (PDP), Tsai Ing-wen, e de seu partido no pleito legislativos, nos quais conquistou 68 dos 113 cadeiras parlamentares.

O gabinete presidido por Mao renunciou em 18 de janeiro e Simon Chang substituiu interinamente Mao, que pediu uma permissão de ausência, diante da recusa do presidente de aceitar sua renúncia.

Nascido em 1954, Chang se formou em engenharia civil na Universidade Nacional de Taiwan em 1976, fez mestrado em Engenharia Civil e Ambiental na Universidade de Stanford em 1977 e doutorado em Engenharia Civil e Ambiental na Universidade de Cornell em 1981.

Entre 2010 e 2012, o novo primeiro-ministro trabalhou para o Google como diretor de operações de hardware na Ásia.

A nova presidente eleita tomará posse em 20 de maio, e os legisladores eleitos jurarão seus cargos em 1º de fevereiro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos