Hamas diz que 10 dos homens presos em túnel na Faixa de Gaza conseguiram sair

Gaza, 27 jan (EFE).- O movimento islamita Hamas anunciou nesta quarta-feira que uma dezena de seus homens que ficaram presos ontem à noite em um túnel que desbaou na Faixa de Gaza estão "sãos e a salvos".

O Ministério do Interior de Gaza, governada pelo Hamas, tinha informado ontem que pelo menos sete palestinos estavam no interior do túnel quando ele desabou, aparentemente pelas fortes chuvas causadas pelo temporal de frio que castiga a região.

O grupo islamita disse que dez de seus militantes conseguiram sair com vida dali, mas não deu mais detalhes.

As milícias armadas em Gaza construíram uma ampla infraestrutura subterrânea, usada com fins militares - como o armazenamento de armas para para responder a ataques aéreos israelenses - e civis - como o tráfico de itens essenciais - alguns deles têm saídas para Israel.

Os palestinos construíram centenas de túneis com saída ao território egípcio desafiando assim o bloqueio israelense imposto sobre o enclave desde 2007, embora grande parte dessas passagens tenham sido destruídas por Israel ou Egito.

Há dois anos, as autoridades egípcias ordenaram levantar uma zona de controle de 14 quilômetros ao longo de sua fronteira com a Faixa e começou a destruir esses corredores.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos