Polícia da Arábia Saudita prende 4 jovens por fazer festa gay

Riad, 27 jan (EFE).- A Polícia da Moral Saudita deteve quatro jovens em Riad por organizar "uma festa gay" em um apartamento da capital, informou nesta quarta-feira o jornal "Sabq".

O grupo foi preso em casa no bairro de Al Quds, no norte da cidade, onde aconteceu a comemoração e onde dois deles foram vistos vestidos com trajes de mulher. Os agente encontraram roupas femininas, perucas, maquiagem e bebidas alcoólicas, segundo o jornal, que indicou que nos telefones celulares apreendidos havia vídeos de festas semelhantes.

Os jovens, um dos quais já tinha sido detido por envolvimento em um caso similar, confessaram que mantinham relações e que realizaram "um casamento".

Na Arábia Saudita, onde rege uma rigorosa interpretação da lei islâmica, o homossexualismo é punido com prisão e castigos corporais, como chicotadas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos