Rússia informa que tremor em Kamchatka não deixou vítimas nem danos

Moscou, 30 jan (EFE).- O terremoto de magnitude 7 que sacudiu neste sábado a península de Kamchatka, no extremo leste da Rússia, não causou vítimas nem danos materiais, informou o Ministério da Rússia para Situações de Emergência.

O terremoto aconteceu às 15h25 locais (1h25 de Brasília) e seu epicentro foi localizado cerca de 100 quilômetros ao norte de Petropavlovsk-Kamchatski, a capital da região de Kamchatka.

O terremoto, que causou alarde entre a população, foi seguido por duas réplicas de menor magnitude.

"Neste momento, equipes de socorristas estão analisando edifícios e diversas instalações de Petropavlovsk-Kamchatski e do distrito de Elizovski para comprovar a existência de rachaduras em suas estruturas", disse à agência "Interfax" um porta-voz do serviço de emergência.

A península de Kamchatka é banhada pelo mar de Ojostk e pelo Oceano Pacífico, e está localizada em uma região de grande atividade sísmica.

O arco de Kuril-Kamtchatka, onde se encontram as placas tectônicas Pacífica e Euroasiática, se estende por aproximadamente 2.100 quilômetros de Hokkaido, no Japão, pelas ilhas Curilas e pela costa do Pacífico da península de Kamchatka, e termina em sua intersecção com o arco das ilhas Aleutas (Alasca), ao sul das ilhas Comandante, na Rússia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos