Chef Benoît Violer, considerado o melhor do mundo, é encontrado morto em casa

Genebra, 1 fev (EFE).- O reconhecido chef Benoît Violier, do restaurante "l'Hôtel de Ville", em Crissier, morreu na noite de domingo em sua casa aos 44 anos aparentemente por suicídio, segundo informou a polícia do cantão suíço de Vaud.

Violier, que tinha nacionalidade franco-suíça, obteve inumeros prêmios e ostentava três estrela Michelin.

A promotoria suíça abriu uma investigação para estabelecer as causas definitivas de sua morte, mas segundo o comunicado que as autoridades divulgaram, "o interessado teria posto fim a seus dias".

A morte ocorreu três semanas depois de seu restaurante, que já ostentava três estrelas Michelin, obter o título de "melhor restaurante do mundo" pela "La Liste".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos