Trump e Sanders partem como favoritos em Iowa, segundo última pesquisa

Des Moines (EUA), 1 fev (EFE).- O magnata Donald Trump, no lado republicano, e o senador socialista Bernie Sanders, no democrata, são os favoritos para vencer nesta segunda-feira no caucus (assembleia popular) de Iowa (Estados Unidos) graças ao apoio dos novos eleitores, segundo uma última pesquisa da Universidade de Quinnipiac.

Trump obtém 31% das intenções de voto contra 24% do senador Ted Cruz, que perde sua condição de favorito devido àqueles que participarão pela primeira vez em sua vida do complexo sistema dos caucuses para apoiar o empresário nova-iorquino.

No campo republicano, com 12 pré-candidatos, o senador Marco Rubio ocuparia o terceiro posto com 17% dos votos, enquanto nenhum outro supera 10%.

Trump conta com 40% de apoio entre os que pretendem comparecer pela primeira vez às cerca de 1.700 assembleias distribuídas por todo o estado, enquanto Cruz, que goza de bastante respaldo entre os evangelistas, obtém 22%.

O pré-candidato democrata Sanders, que propõe uma nova forma de fazer política nos EUA e se conectou com os mais jovens, também conseguiria mobilizar mais pessoas que nunca debateram nas assembleias políticas de Iowa e obtém um apoio de 49%, contra 46% de Hillary Clinton.

No entanto, a disputa no lado democrata, a primeira desde 2008 aberta a um novo líder diferente de Barack Obama, segue marcada pela igualdade, razão pela qual será a participação que desiquilibrará a balança.

Entre os que dizem que participarão do caucus pela primeira vez hoje, 69% se inclina por Sanders, enquanto 35% prefere Hillary, que desfruta de uma vantagem de nove pontos frente a seu concorrente mais direto entre os veteranos deste sistema participativo de primárias.

A pesquisa de Quinnipiac se baseia em entrevistas realizadas entre os dias 25 e 31 de janeiro com 890 republicanos com intenção de participar do caucus, e com 919 no lado democrata, ambas com uma margem de erro de cerca de três pontos.

Iowa, um estado do Meio Oeste que esta madrugada espera uma tempestade de neve, é o primeiro terreno de batalha para as primárias dos partidos, que decidirão em julho quem serão os candidatos presidenciais para o pleito de novembro.

Especialmente no caso de Trump uma vitória ali seria vital para ganhar impulso e avançar rumo à indicação com passos firmes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos