Drone americano destrói rádio do EI no Afeganistão

Cabul, 2 fev (EFE).- A emissora do Estado Islâmico (EI) no Afeganistão, "A Voz do Califado", foi destruída em um ataque com drones dos Estados Unidos no qual morreram 29 membros dessa organização, informaram nesta terça-feira à Agência Efe fontes oficiais.

Entre os mortos há quatro empregados e três técnicos da emissora de rádio, manifestou à Efe Attaullah Khogyanaim, porta-voz do governador da província de Nangarhar (oeste).

O porta-voz precisou que a operação foi lançada na segunda-feira pela noite com quatro bombardeios diferentes com drones no distrito Achin.

"A Voz do Califado" funcionava nos últimos dois meses em Nangarhar com mensagens nas quais chamava a população, especialmente os mais jovens, para que se envolvessem no grupo e se levantassem contra o governo afegão.

"Desta vez ficou completamente destruída nos bombardeios com drones americanos", corroborou à Agência Efe Zabihullah Zmarai, membros do Conselho Provincial.

De acordo com Zmarai, a estação, que a princípio começou a emitir em pashtun e recentemente tinha iniciado sua programação em dari e inglês, era usada como "uma ferramenta de pressão psicológica contra a população", em uma emissão sem interrupções.

O Estado Islâmico está presente em pelo menos quatro províncias do leste e sul do Afeganistão desde há um ano, mas é em Nangarhar onde os insurgentes ergueram seu maior reduto no país asiático, onde controlam amplas zonas de território.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos