Rússia não porá fim à operação na Síria até vencer terroristas

Moscou, 3 fev (EFE).- A Rússia não porá fim à operação aérea na Síria enquanto seguirem ativas as organizações terroristas, disse nesta quarta-feira o ministro russo das Relações Exteriores, Sergey Lavrov.

"A aviação russa não cessará suas ações até que não tenhamos vencido realmente as organizações terroristas Estado Islâmico e a Frente al Nusra. Não entendo por que teriam que parar estes bombardeios aéreos", afirmou Lavrov em declarações aos jornalistas em Mascate, a capital de Omã.

Lavrov lembrou que a Rússia, ao contrário da coalizão liderada pelos Estados Unidos, conta com o acordo do regime de Damasco para realizar sua operação

O ministro respondia assim a uma exigência da oposição síria chegada dos Estados Unidos para as negociações que ocorrem em Genebra na busca de uma regulação do conflito.

"Considerar que impor condições prévias a modo de ultimato pode ajudar a resolver o problema, para mim só demonstra miopia política", afirmou Lavrov.

E acrescentou que a Rússia vai fazer todo o possível para que as delegações opositoras e a governamental defendam os "interesses do povo sírio" e não suas ambições pessoais.

O vice-chefe do Conselho de Segurança russo, Evgueni Lukianov, disse em Moscou que a operação russa na Síria "não tem uma data de término, mas está claro que não será muito prolongada".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos