Hillary afirma que é a candidata "mais forte" para as eleições presidenciais

Em Washington

  • Justin Sullivan/Getty Images/AFP

A pré-candidata à indicação do Partido Democrata para as eleições presidenciais dos Estados Unidos, Hillary Clinton, afirmou nesta quinta-feira (5) que se considera a "mais forte" para enfrentar os republicanos, frente às poucas opções que seu rival de legenda, o senador Bernie Sanders, pode oferecer.

"Eu acredito que sou a candidata mais forte. Fico preocupada com as sensações de muitos democratas, que sabem como é difícil ganhar em seus estados. Sou a pessoa que pode realizar todas as facetas deste trabalho (a presidência dos EUA)", disse Hillary em um debate televisionado em New Hampshire.

"Quando os eleitores de New Hampshire vão às urnas, eles têm que se lembrar de que estão elegendo um presidente, mas também um comandante-em-chefe", comentou a ex-secretária de Estado dos EUA em alusão a seus conhecimentos de política externa e à inexperiência de Sanders nesta área.

Sanders respondeu às palavras da ex-primeira-dama admitindo que ela, "sem sombra de dúvida", tem mais experiência no cenário internacional, mas que a experiência "não é tudo", e que também importa um "bom julgamento", o que ele demonstrou ter ao votar contra a Guerra do Iraque, quando Hillary votou a favor.

Além disso, o senador socialista pelo Estado de Vermont argumentou que sua campanha está conseguindo gerar esperança e motivação entre grande parte do eleitorado, especialmente os jovens, e que se isso se traduzir em um alto índice de participação nas eleições gerais, ele será o "candidato mais forte".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos