Nova York investiga vazamento radioativo em usina nuclear de Indian Point

Nova York, 6 fev (EFE).- O governador de Nova York, Andrew Cuomo, anunciou neste sábado que ordenou uma investigação para determinar as causas de um vazamento radioativo na usina nuclear de Indian Point, a cerca de 50 quilômetros da cidade de Nova York.

"Esta nova falha em Indian Point é inaceitável, e ordenei às autoridades do departamento de conservação do Meio Ambiente e de Saúde que façam uma intensa investigação sobre este incidente", disse Cuomo em comunicado.

O governador ressaltou que a "principal preocupação" das autoridades é a saúde e a segurança dos moradores que vivem nos arredores da usina nuclear e garantir que o vazamento não representa uma ameaça.

Segundo o escritório de Cuomo, os responsáveis por Indian Point alegaram que o vazamento de água contaminada não ultrapassou os limites da usina nuclear, às margens do rio Hudson, por isso não representa uma "ameaça imediata" para a saúde pública.

O governador afirmou que serão adotadas todas as medidas disponíveis, incluindo trabalhos com a Comissão Reguladora Nuclear, para determinar a extensão do vazamento, sua possível duração, as causas e o impacto potencial que possa ter no meio ambiente.

A usina nuclear de Indian Point começou a funcionar nos anos 60 com um primeiro reator que já está fechado, e os dois que estão em funcionamento iniciaram as atividades em meados dos anos 70.

No complexo, que tem cerca de mil funcionários, é produzida 25% da eletricidade consumida na cidade de Nova York e no condado de Westchester, região que fica ao norte da 'Big Apple'.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos