Ex-ministro grego lança movimento de coesão de partidos de esquerda da Europa

Berlim, 9 fev (EFE).- O ex-ministro de Finanças da Grécia, Yanis Varoufakis, apresentou nesta terça-feira em Berlim seu Movimento Democracia na Europa 2025 (DiEM25), que pretende ser uma plataforma de coesão dos partidos de esquerdas do continente e lutar contra as forças centrífugas da União Europeia (UE).

"Achamos que o caminho de criar partidos políticos dentro de um determinado país é o caminho errado", disse Varoufakis em entrevista coletiva.

"Se nossa análise estiver correta, então o que necessitamos é um movimento que vá além das fronteiras", acrescentou o político grego.

Segundo Varoufakis, é preciso criar uma "mesa metafórica" onde os europeus discutam os problemas atuais e lutem contra a renacionalização da política e o que ele vê como um processo de desintegração da UE.

"A UE está se desintegrando e está fazendo isso muito rapidamente", advertiu.

A origem do problema, segundo Varoufakis, está em uma despolitização das decisões europeias que são deixadas nas mãos de burocratas e que são tomadas à margem dos processos democráticos.

A solução, afirmou, passa por uma democratização da Europa, objetivo principal do manifesto apresentado nos dias anteriores, no qual se desenha um processo ao término do qual deveria estar a criação de uma constituição europeia.

"Se queremos uma unidade política, se queremos traspassar soberania a um estado federal europeu, esse estado precisa de uma constituição", disse.

Para isso, segundo sua opinião, se requer uma coalizão à qual convidou a participar "gente de esquerda, liberais, verdes e radicais" centrada na convicção de que a democracia tem que estar no centro dos processos europeus.

"Começaremos esta noite, antes desta noite não existimos, temos primeiro que deliberar", disse Varoufakis ao ser perguntado sobre como se imagina em detalhes a futura constituição europeia.

A apresentação oficial estará precedida de três debates a portas fechadas com representantes de movimentos de esquerda de diversos países europeus.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos