Refugiados cruzarão Sérvia, Croácia e Eslovênia sem descer dos trens

Zagreb, 9 fev (EFE).- Os refugiados que fogem do Oriente Médio em direção à Europa pela rota dos Bálcãs serão transferidos diretamente da Macedônia à Áustria e Alemanha sem descer na Sérvia, Croácia e Eslovênia, anunciou nesta terça-feira o ministro das Relações Exteriores croata, Vlaho Orepic.

"Só vão parar para a transferência de locomotivas e os policiais que resguardem o trem. Se alguém necessitar de assistência médica, vai receber", garantiu Orepic, segundo a emissora croata "RTL".

O ministro indicou que, no caso croata, apenas os refugiados que peçam asilo neste país poderão deixar os trens que lhes transporta.

Orepic explicou que este novo regime de passagem pela rota dos Bálcãs foi estipulado entre os governos de Sérvia, Macedônia, Eslovênia, Áustria e Croácia, mas não detalhou quando começará a ser aplicado.

O acordo prevê que esses países ajudem à Macedônia a controlar a entrada de refugiados em seu território a partir da Grécia.

A Croácia enviou ontem à Macedônia equipamentos técnicos, como computadores e câmeras térmicas, e hoje partiram para esse país 15 policiais que ajudarão os guardas fronteiriços locais.

"Sua tarefa será registrar as pessoas que querem entrar e controlar sua passagem rumo ao país do destino", declarou o diretor da polícia croata, Vlado Dominic.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos