Al Abadi diz em Roma que quer acabar com EI no Iraque "antes de fim de ano"

Roma, 10 fev (EFE).- O primeiro-ministro do Iraque, Haidar al Abadi, manifestou nesta quarta-feira em Roma sua intenção de acabar com os terroristas de Estado Islâmico (EI) no país "antes do fim do ano", mas recusou a presença "de outras forças que não sejam iraquianas" no terreno.

"Não queremos outras forças que não sejam iraquianas em nosso território", disse em entrevista coletiva depois de se reunir com seu colega italiano, Matteo Renzi.

Além de expressar a vontade de acabar com a presença do EI no país nesse prazo, o líder iraquiano reivindicou avanços como a tomada de Ramadi, que segundo sua opinião "foi um duro golpe" aos terroristas da organização jihadista, que controla extensas zonas do Iraque e Síria.

Além disso, o iraquiano agradeceu à Itália pelos serviços prestados por seus policiais e carabineiros que treinam atualmente as forças iraquianas e que "desempenham um papel vital e importante nas zonas libertadas".

Por outro lado, Renzi defendeu que "o EI e os terroristas sem escrúpulos devem saber que perderão a batalha e que o Iraque e a comunidade internacional vencerão este desafio".

"Seremos capazes de vencê-los mediante uma coalizão internacional, mas também com o trabalho cultural, econômico e diplomático", afirmou o presidente do Executivo italiano.

No encontro entre Al Abadi e Renzi também foi abordado o tema da represa de Mossul (norte), no rio Tigre, arrebatada dos jihadistas e que agora o governo iraquiano encarregou sua reabilitação à sociedade italiana Trevi.

Al Abadi recalcou a importância desse construção por ser "a fonte de água para todos os iraquianos" e pediu uma aceleração na chegada de italianos e uma "garantia à segurança de trabalhadores e técnicos".

Renzi manifestou o compromisso de seu país na reparação e defesa da represa e celebrou as boas relações e a colaboração entre ambos governos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos