Combates entre facções nos arredores de Damasco deixam 18 mortos

Beirute, 10 fev (EFE).- Pelo menos 18 pessoas morreram nas últimas 24 horas em combates entre facções rebeldes de tendência islâmica e grupos vinculados à organização terrorista Estado Islâmico (EI) em uma zona ao leste de Damasco, informou nesta quarta-feira o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Pelo menos sete mortos, entre eles um menor de idade, são civis que perderam a vida na cidade de Al Dumair pelos disparos ocorridos nos enfrentamentos entre rebeldes e o Exército de Libertação do Shan e os Homens da Épica, ambos vinculados ao EI.

O resto dos mortos são quatro seguidores desses dois grupos relacionados com os jihadistas e sete de seus oponentes.

Os confrontos começaram depois que o Exército de Libertação do Sham e os Homens da Épica atacaram uma base dos grupos insurgentes nessa população.

O EI proclamou no final de junho de 2014 um califado no Iraque e Síria, países nos quais controla partes do norte e o centro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos