Christine Lagarde renovará seu mandato como diretora do FMI

Washington, 11 fev (EFE).- A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, renovará seu mandato para o período 2016-2021 ao ser a única candidata no novo processo de seleção, informou o organismo nesta quinta-feira.

"O período para apresentar candidaturas para a posição de próximo diretor-gerente encerrou na quarta-feira, 10 de fevereiro. Um candidato, a atual diretora-gerente Christine Lagarde, foi indicado", afirmou o presidente do Diretório Executivo do FMI, Aleksei Mozhin, em comunicado.

Mozhin acrescentou que o objetivo "é agora completar o processo de seleção o mais rápido possível", para o que se espera que Lagarde seja ratificada no cargo no dia 3 de março.

Nesta ocasião, Lagarde garantiu o apoio majoritário dos países-membros do Fundo, e contou também com o de parceiros do organismo que em 2011 não tinham apoiado sua candidatura, como a Rússia.

Na época, foi escolhida como diretora-gerente do Fundo frente à candidatura do mexicano Agustín Carstens, atual governador do Banco do México (banco central americano).

Trata-se da primeira vez que o chefe da principal instituição financeira mundial renova seu mandato em mais de uma década, depois que seus antecessores Rodrigo de Rato (2004-2007) e Dominique Strauss-Kahn (2007-2011), deixaram o cargo antes de completar os cinco anos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos